CONTATOS

Graças a Deus a minha felicidade não depende da tristeza alheia. Não preciso destruir a vida de ninguém para construir a minha.

sábado, 14 de setembro de 2013

NOTA DO HCS


O Hospital de Caridade de Santiago vem a público informar o seguinte;



Que tão logo o acontecido envolvendo a Paciente Menor C.B.F, iniciou-se seus procedimentos administrativos de praxe, visando apurar todos os fatos ocorridos no que pertine ao atendimento prestado pelo Médico Responsável.

Cabe destacar que o HCS, já instaurou Sindicância Administrativa para apurar o acontecido, a qual será finalizada com a maior brevidade possível, e em sendo o caso o resultado será remetido as Autoridades Competentes.

É bem de se frisar que a Instituição irá apurar os acontecimentos com todo o rigor, isenção e imparcialidade – todavia – tudo dentro da legalidade procedimental, evitando por sua vez medidas prematuras ou juízos antecipados.

Cumpre informar ainda, que a Direção do HCS, inclusive solicitou o relatório Médico responsável pelo atendimento da Paciente – o qual – foi respondido, trazendo a informação de que a Paciente, segundo o Profissional, teve atendimento compatível com o quadro clínico que apresentava – internando no dia 06 de setembro de 2013 às 16h e 45 min, apresentando febre e tosse, e sinais compatíveis com infecção respiratória. Informando ainda o relatório, de que a Paciente por sua vez apresentava relato de asma brônquica. Tendo sido prescrito no ato, antibiótico, analgésicos, e o procedimento de nebulização, e ainda solicitado exames laboratoriais e radiológicos. Em conseqüência de apresentar vômito na noite do dia 06 foi também medicada com anti-eméticos. Sendo que pela manha do dia 07, o quadro clinico da Paciente se agravou com sinais de choque, o que levou o Médico Responsável a manter imediato contato com o Hospital Universitário de Santa Maria-RS, conseguindo leito para a Paciente em UTI Pediátrica – entretanto - a gravidade de seu quadro evolui ainda mais levando a uma parada cardiorrespiratória, e frustrando a efetiva transferência.

O Profissional Médico, ainda colocou-se a disposição desta Instituição, e segundo ele é inclusive de seu interesse o esclarecimento do caso.

É importante salientar que comprovado qualquer irregularidade – dentro da sindicância já instaurada – serão tomadas todas as medidas cabíveis e legais no alcance desta Instituição HCS, contra quem quer seja.

Cabe salientar ainda, que o ATO MÉDICO é inerente a cada Profissional Médico conforme sua rotina e técnica de trabalho, não podendo o HCS interferir no tratamento dispensado ao seu Paciente.

O HCS, ainda informa, que o Profissional Médico responsável pelo atendimento sempre apresentou ótimo desempenho de suas funções, todavia, por medida de praxe, e até melhores esclarecimentos e visando garantir a máxima imparcialidade da sindicância, resolveu por intermédio de sua Direção afastar da função o Profissional Médico, até a conclusão do procedimento administrativo, estando, portanto afastado de suas atividades dentro do HCS.

O Hospital aproveita para prestar sua solidariedade à família enlutada.



Santiago, RS 12 de Setembro de 2013.



Direção do Hospital de Caridade de Santiago.

Nenhum comentário: